javascriptNotEnabled

Home \ Comunidade \ Blogs \

A arte do poker: Um esporte da mente e da alma

Dividindo o aprendizado iremos longe em nosso amado esporte da mente!
Enviar MP

     Sejam bem-vindos, galera da intelipoker

 

     Na minha primeira postagem  gostaria de falar um pouco da pior parte da vida de um poker player, seja profissional ou recreativo, todo mundo já sofreu nas amargas e cruéis garras da variância. Todos que jogam poker por vezes passam por dias, semanas e até meses bem ruins nas mesas e a isso damos o nome de variância. Sabe aqueles dias que depois de 50 mãos lixo vêm aquele sonhado AKs e você vai allin só pra ver o cara te pagar com A2o e levar o pote? e não para por aí! É straitgh perdendo pra flush, é trinca perdendo para trinca maior no river, é você com AA e aquele maníaco que já está short no torneio knockout te pagar com 72o e enquanto você pensa:  ‘Opa, já vou embolsar uns trocados!’ Aparece no board logo 7-7-2 para tirar a vontade de viver. Mas tudo bem, por que o problema sem dúvida alguma é desse software de !@#$%¨&* e você logo pensa: 'Esses &%##$@ estão me roubando, ainda bem que também tenho conta neste outro software aqui'. Abre uma mesa e de cara aparece um par de KK, você cautelosamente aposta devagar, afinal não queremos assustar ninguém. No flop abre K-T-6 e você pula de alegria ‘Aê, não falei que o problema era daquele maldito software Rigged!?’ Então, você aposta 50% do pote e é pago, no turn abre um 2 inofensivo e você novamente parte para a aposta e para sua surpresa seu algoz retorna Allin. Sem pensar duas vezes você paga para ver a trinca de 2 que o tinhoso acaba de acertar, mas você nem se preocupa em questionar por que raios de motivo essa criatura pagou uma Bet no flop segurando um par de 2 na mão, pois afinal você está muito a frente, quero dizer, estava até aparecer esse 2 no river para fechar de vez o seu caixão. Enfim, quando a variância te afeta até pedindo par no par ou ímpar com espelho você perde, e é nesses momentos que temos que tomar cuidado com os ajustes em nosso jogo. Quando vemos nosso bankroll ir embora (estamos em downswing) tendemos a ficar meio loucos, em um verdadeiro tilt desesperado para recuperar o valor perdido, assim jogamos muitas mesas ao mesmo tempo quando na verdade deveríamos diminuir, às vezes achamos que se jogarmos mesas com buyin mais altos iremos recuperar mais rápido e na maioria das vezes acabamos por perder muito mais do que iríamos se continuássemos no nosso buyin. Então, qual o segredo para fugir da variância? Bem, acredito que não exista nenhuma fórmula mágica que vai te livrar desse mal e vejo em blogs e vlogs de outros jogadores que cada um tem sua forma de lidar com isso. Vou dividir com vocês o que costumo fazer quando entro nessa inevitável fase das nossas vidas de jogador de poker:

 

* Evitar tiltar ao máximo -> Eu sei que tem horas que não dá, que dá vontade de mandar tudo pra &%$#@ e algumas vezes nem mesmo percebemos que estamos jogando em tilt e se já está difícil lucrar em uma má fase, imagina somar isso ao tilt? Uma boa forma de evitar jogar em tilt é respeitar ao máximo seu range, se o board não está encaixando com a sua mão, faça o contrário que a maioria costuma fazer, feche mais seu range, pare de tentar aquele AJo em sit n’ go no início do jogo por exemplo. Fazendo isso, além de diminuir as margens de erro e as bad beats que podem vir a acontecer, você ainda ganha um tempo extra para respirar e colocar a cabeça no lugar entre uma mão e outra.

 

* Diminua a quantidade de mesas simultâneas -> Muitos jogadores que estão habituados a grindar durante suas sessões abrem mais mesas que de costume quando estão indo mal em uma tentativa de recuperar o ‘prejuízo’, o que acaba se tornando um grande erro, pois quanto pior estamos indo nas mesas mais concentração devemos dedicar a cada ação, e só tem uma forma de fazer isso, diminuir a quantidade de mesas.

 

* Descer um degrau -> Mesmo que sua gestão de bankroll ainda permita continuar em seu limite atual pode ser uma boa ideia descer para um nível inferior durante o período de downswing, isso pode minimizar muito suas perdas durante uma má fase. Lembre-se: Um field mais fraco e um buy-in mais barato pode salvar sua banca .

 

* Nunca, jamais sacrifique seu bankroll -> É muito comum entre os jogadores menos experientes proceder exatamente da forma contrária ao conselho anterior. Com a ideia de recuperar tudo mais rapidamente, muitos são seduzidos a jogar em mesas com buy-ins maiores e consequentemente prêmios maiores, mas o grande problema é que geralmente partem para buy-ins que fogem muito do que uma boa gestão de bankroll permitiria. Meus amigos, tenham certeza que essa atitude é uma das piores possíveis e muitas vezes terminam em novos depósitos.

 

* Dar um tempo -> Por último e não menos importante é que as vezes devemos dar o braço a torcer e simplesmente relaxar. A galera que joga a muito tempo costuma concordar que há dias que ‘não foram feitos para jogar’, então, caso sinta que esse é um daqueles dias é melhor deixar as mesas um pouco de lado e aproveitar para descansar a mente ou até mesmo continuar trabalhando seu poker tirando um dia só para estudos, busque estratégias, vídeos de profissionais e até se divirta com vídeos de mesas onde você vai perceber que até os melhores têm seus dias de variância.

 

 

     Bem, e isso aí pessoal, tentei resumir ao máximo para não ficar um texto muito longo e maçante. Espero que tenham gostado e que ajude no jogo de vocês!

     Quem tiver alguma dica, sugestão ou dúvida, peço que coloque nos comentários pois dividindo nosso conhecimento e debatendo nossos métodos de jogo é que iremos aprender mais e evoluir nesse nosso amado esporte da mente.

     Até mais e nos vemos nas mesas!

Para fazer um comentário, você precisa realizar seu login ou se registrar.
Fazer o Quiz
Novo por aqui? Faça nossa Avaliação de Poker para iniciar o seu aprendizado.
já é um membro? Fazer Login
javascriptNotEnabled
Aprenda Estratégias básicas até avançadas
Pratique Melhore suas habilidades com os nossos Instrutores
Ganhe! Se estabelecer como um jogador ganhador