javascriptNotEnabled

Home \ Comunidade \ Blogs \

POKER E VIDA: UMA VISÃO FEMININA

Para aqueles que independente do resultado sabem q fizeram o melhor!
Enviar MP
/Jun/2013

SEJA FELIZ PRATICANDO POKER!

Por: SUSANA.BR @ 06:38 (-03) / 48 / Comentário ( 6 )

A busca da felicidade é um dos maiores temas e enigmas de toda a humanidade. Todos concordam que o ser humano está aqui nesta existência para ser feliz e realizado, mas até hoje nenhum de nós pode afirmar com absoluta certeza o que é a tão aclamada felicidade, pois esta é subjetiva, e estritamente pessoal, sendo que cada vez que tentam universalizar um conceito do que seja a felicidade, acabam por torná-la algo que ninguém jamais poderá conquistar, uma vez que cada um de nós jamais conseguirá encontrar a felicidade em padrões pré-estabelecidos, por outrem.

Uma das coisas que me faz muito feliz é praticar o esporte do jogo de poker, seja on-line no site do pokerstars, seja com amigos na minha casa, seja no clube, que vou de vez em quando, na minha cidade. É uma felicidade genuína, real, e por eu saber que, sou aprendiz de jogadora de poker, questionei-me o porquê desta felicidade, afinal em um mundo competitivo, e onde somos doutrinados a somente nos sentirmos felizes se formos os melhores e chegarmos em 1.º lugar, eu não estaria sendo ingênua e idiota por me sentir feliz, mesmo não sendo uma profissional do poker?

Eu adoro poesia, e sou fã incondicional de Clarice Lispector, e olha o que eu descobri que ela descreveu como felicidade:

"A felicidade aparece para aqueles que reconhecem a importância das pessoas que passam em nossa vida."

Puxa, eu reconheço a importância dos nossos mestres, diretores, idealizadores da Intelipoker, bem como de todos nós membros/alunos que estamos participando. Conhecer a Intelipoker, participar dos cursos e treinamentos, fazer amizades, jogar com o pessoal na miniliga, é algo maravilhoso, e eu me sinto muito feliz por esta oportunidade.

Além da poesia, amo música (depois da sexta cerveja só dá eu cantando Elis Regina, Alcione, Cassia Eller, Marisa Monte, Ana Carolina, kkkkk), mas sobre felicidade gostei do que Bob Dylan falou:

“A felicidade não está na estrada que leva a algum lugar. A felicidade é a própria estrada.”

Realmente, o esporte, a prática do poker no dia a dia, é o que nos dá prazer. Para ser feliz no poker basta jogar poker. É a trajetória que importa, onde vamos chegar não é tão importante quanto à caminhada. É isto que me traz felicidade e espero que você que está lendo também sinta o mesmo. Embora a caminhada seja individual, na estrada estamos todos nós, e podemos ser felizes ao ver nossos companheiros/colegas caminhando. Hoje mesmo, depois do treinamento do Vidss, vários de nós ficamos nas mesas que ele estava jogando torcendo e falando “vamooooooo”. No big bang também quem saia ficava incentivando o outro que ficava. Isto é ser feliz na estrada! Isto é para poucos, pois esta felicidade definida por Bob Dylan é para quem entende o que é a estrada.

Como advogada fui obrigada a ler os grandes filósofos da humanidade, e olha o que Aristóteles falou sobre felicidade:

“Felicidade é ter algo o que fazer; ter algo que amar, e algo que esperar...”

Aristóteles é considerado o criador do pensamento lógico, ele valorizava a educação e a considerava uma das formas do crescimento intelectual e humano, sendo que pra ele a única forma de se alcançar a verdade era através do desenvolvimento da inteligência. Ou seja, ele seria um grande professor de poker.... hehehehehehehe.....

No que se refere à felicidade que sinto no poker, também me identifico com o que ele disse, pois é o esporte que escolhi praticar (ter algo o que fazer), é algo que adoro fazer (ter algo que amar), e é o esporte que quero me aperfeiçoar e melhorar meu desempenho (algo que esperar). Conclusão: Se estamos praticando poker porque realmente gostamos e mesmo que não estejamos muito bem ainda, mas estamos tentando melhorar, segundo Aristóteles, podemos ser felizes sem culpa alguma, pois isto para este grande filósofo é Felicidade!

Mas também quero confrontar a minha felicidade que sinto no poker com um dos filósofos mais críticos da modernidade, o cara que acho mais contundente e ferrenho em tudo que disse, a saber, Friedrich Nietzsche. O quê, esse maluco beleza, pensa sobre felicidade?
“Não é a força, mas a constância dos bons resultados que conduz os homens à felicidade."

Para quem já ouviu falar de Nietzsche, sabe que há defensores e críticos ferrenhos a vida e a obra dele. Não sou nem defensora, nem crítica, apenas reconheço a importância de seu legado como algo imprescindível ao pensamento crítico. E, segundo ele, a felicidade está na constância de bons resultados. Não posso discordar, de forma alguma! Se eu jogar poker e meus resultados forem constantes, dentro daquilo que eu me propus, certamente serei feliz!

Tenho visto isto com meu marido ErgaOmnes-BR. Ele se propôs a jogar a Lapl Bronze e a Lapl Silver e tem tido bons resultados quase todos os dias. E está muito feliz! E eu feliz por ele, não pelo que Nitzsche preceituou, mas sim por Clarice Lispector e Bob Dylan, no meu caso. Mas também quero sentir esta felicidade definida por Nietzsche, através da constância de bons resultados na minha prática de poker.

O que quero dizer com tudo isso? É que não importa a definição que poetas, músicos, filósofos, pensadores tenham sobre felicidade! Importa sim que você e eu possamos nos sentir felizes e termos a coragem de demonstrarmos isto pela prática do poker! A tão badalada felicidade não é inatingível e não está aquém do nosso alcance. Por que é tão difícil sorrir e se sentir pleno e realizado naquilo que diz respeito a nossos sonhos íntimos? Por que ter a vergonha de dizer que está feliz pelo que você conquistou para você mesmo? Por que basear e medir tua felicidade nos padrões dos outros? A prática do poker pode te fazer muito feliz!!!!

Defina o que é a felicidade para você, exclusivamente, e deixe o poker te ajudar a conquistá-la. Poker é o esporte da vida, da mente e da felicidade! Aprenda a ser feliz no poker, não somente quando você vence.... Seja feliz quando você erra e reconhece que errou (sinal que você aprendeu e simplesmente não aplicou), seja feliz quando você perde para alguém que era um idiota e não devia ter pago seu all in (ele não vai se manter por muito tempo, e você sabe que fez a coisa certa), seja feliz porque mesmo não cravando o torneio você vê que está melhorando a cada jogo, seja feliz por ver que teu colega está jogando bem, e vocês são da mesma escola!!! Seja feliz simplesmente por ser uma pessoa privilegiada que gosta, quer e tem condições de praticar o esporte do poker!

Concluindo: Sou muito feliz no poker! E daí? Querem me rotular de louca, ingênua, idiota? Vou cantar então: “ Mas louco é quem me diz.... e não é feliz, não é feliz!” (Nei Matogrosso)

Para fazer um comentário, você precisa realizar seu login ou se registrar.
Fazer o Quiz
Novo por aqui? Faça nossa Avaliação de Poker para iniciar o seu aprendizado.
já é um membro? Fazer Login
javascriptNotEnabled
Aprenda Estratégias básicas até avançadas
Pratique Melhore suas habilidades com os nossos Instrutores
Ganhe! Se estabelecer como um jogador ganhador