javascriptNotEnabled

Home \ Comunidade \ Blogs \

Blog do Louco

Um louco sobre poker falando sobre a sua loucura.
Enviar MP

Fala galera, tudo certo?

 

2016 começando e com ele novos desafios! E o primeiro deles é começar esse blog, tentando contribuir com o meu (ainda pequeno, mas evoluindo dia a dia) conhecimento sobre esse esporte tão fascinante que é o poker.

Tentarei fazer disso aqui um diário, falando sobre os spots interessantes que aconteceram no dia a dia, sobre algum material que venho estudando, etc. A ideia é mostrar a evolução que vai acontecendo ao longo do tempo, lentamente, rumo ao sucesso.

Bora?

Para começar, quero falar de uma mão que joguei ontem, em um sit 180 p de $1. 

Quando participei do QG do Akkari em Setembro do ano passado, tanto o Akkari quanto o Bueno falaram MUITO na importância de colocar o adversário em um range e saber como ele enxerga seu range. Pois bem, essa mão mostra o quanto uma pessoa consegue fazer cagada (nesse caso: eu) quando não pensa no range do adversário associado ao tamanho de stack, ou seja, deixa de pensar logicamente sobre a verdadeira força da mão.

É o seguinte: 

Blinds 400/800 Ante de 75

A mesa roda em fold até o HJ (com 23bb), eu havia jogado apenas 19 mãos com ele e a única coisa que consegui notar era que ele jogava sólido, sem inventar moda. Ele sobre para 1600 (2x). BU fold, SB fold, e eu estou no BB com 35bb e um belo .

Vamos ao range do vilão pré flop:

As stats que eu tinha dele no momento eram 28/24 (VPIP/PFR), nesse caso, acho que o range dele seria algo como: 22+, A2s+, K9s+, QJs, A2o+, KTo+. 

Assim, colocando isso no Equilab, temos a seguinte equidade pré flop, em relação a esse range:

EU  42.14%  
Vilão  57.86%  

Como eu teria que colocar 800 em um pote que já tinha 3475, minha pot odds era de aproximadamente 19% = 800/(3475 + 800). Como minha equidade era de 42,14%, foi matematicamente um bom call.

ok, agora vamos para o flop. 

Flop ruim para as minhas cartas mas também para o vilão, pois ele tem poucos 8 e 5 na mão dele. Se ele acertou algo o mais provável é um FD. 

Eu dou check no small. Por saber que o vilão é agressivo e vai tentar roubar o pote com 100% do range que ele abriu pré flop após meu check a minha intenção é dar um check raise pra fazer ele largar tudo que errou (que convenhamos, é uma parte bem grande do range dele). 

O vilão beta 1488 em um pode que já tinha 4275, +- 35%. Eu vou lá e como planejado dou um raise para 3129. O raise é pequeno e dá bastante pot odds pro vilão, mas como é um sit muito barato, eu duvido que ele dê o call apenas por pot odds. Ele dá o call, ficando com cerca de 16bb para trás e eu com.

Nesse momento eu preciso voltar ao range pré flop do vilão e ajustar ele para o desenrolar da jogada pós flop. 

O call dele me faz tirar várias coisas do range dele: os Ax, Kx e QJs que que não sejam de espadas saem do range. Por outro lado, acho que o 77 ainda dá call, pois eu terei que ter acertado o 8 ou o 5 para ele estar perdendo, e tem muito FD e blefe no meu range que dá esse check/raise flop. 

Do ponto de vista do vilão, não há porque ele dar raise com 88, 55 e os overpairs, uma vez que já estaria ganhando de praticamente tudo que eu poderia ter e dar um re-raise só faria eu foldar e não daria a chance de blefar nas outras streets. 

O range do vilão fica assim então: 

77+, 55, AKs, AsQs, KsQs, AsJs, KsJs, AsTs, KsTs, As9s, Ks9s, As8s, As7s, As6s, As5s, As4s, As3s, As2s, AKo, A8o, A5o

E a mão praticamente perdida pra mim, que estou com K high.

Eis que vem o turn: 

Acerto top pair com um kicker muito bom. Como dei check/raise no flop, decido liderar turn, e beto quase 6bb's. O vilão dá call e fica com 10 bb's para trás, e o pote fica com 24 bb's. Nesse momento foi onde eu tevia ter parado para pensar na mão, e sacar que não tinha mais FD no range dele. Vamos raciocinar: no começo da mão falei que o vilão era um cara sólido, qual a chance de um cara sólido pagar um check/raise flop e uma bomba no turn com FD, sendo que ele ficaria com 10 bb's para o river? Quase 0, sendo que ele estaria arriscando todo o torneio dele num blefe river, caso não batesse uma carta de espadas. 

Aí o range dele ficaria como: 

TT+,88,55,ATs,A5s,KTs,A5o

E nesse caso, minha equidade contra ele é de 8,82%

Bom, como você deve imaginar eu não pensei isso na hora, mas sim: "hmmmm, peguei mais um troxa no FD". 

O river vem um .

Eu dou check, ele vem all in com as 10 bb's e eu, me achando pica das galáxias com o par de 10, dou snap call. 

O amigão abre  e eu fico chorando com meu top pair. 

Lições de hoje:

1- Sempre faça o exercício de delimitar o range do adversário durante a mão, baseado nas ações que ocorrem. (sim , vc vai errar muito, mas faz parte do processo)

2 - Levar o Stack em consideração ajuda a acertar no range. 

Fui!

Para fazer um comentário, você precisa realizar seu login ou se registrar.
Fazer o Quiz
Novo por aqui? Faça nossa Avaliação de Poker para iniciar o seu aprendizado.
já é um membro? Fazer Login
javascriptNotEnabled
Aprenda Estratégias básicas até avançadas
Pratique Melhore suas habilidades com os nossos Instrutores
Ganhe! Se estabelecer como um jogador ganhador